MS bateu recorde na geração de empregos em 2021

Categoria: Caged, Emprego | Publicado: quarta-feira, fevereiro 2, 2022 as 10:31 | Voltar

Campo Grande (MS) - Apesar de afetado pela pandemia do Covid-19 e das consequências negativas na economia, Mato Grosso do Sul registrou recorde na geração de empregos formais em 2021. O Estado apresentou resultados positivos, tanto pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), quanto pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) e na atuação da Fundação do Trabalho de Mato Grosso do Sul(Funtrab).

O Saldo de empregos formais foram 36,2 mil trabalhadores contratados no ano passado, é o maior acumulado desde 2003, resultado que coloca o Estado com melhor resultado da série histórica.

No ano de 2021 foram contratados 288.585 trabalhadores frente a 220.778 contratações no ano de 2020. O saldo de emprego formal no ano de 2021 (o saldo de 2021 é resultado da diferença entre 288,585 admitidos e 252,298 desligamentos) foi de 36.287 postos de trabalho, isso mostra um crescimento de 463,73% em relação ao saldo registrado em 2020 que foi de 6.437 postos de trabalho. Isso representa um crescimento de 6,93% no estoque de emprego formal do MS, que encerrou o ano de 2021 com 559.542 empregos.

O diretor-presidente da Funtrab Marcos Derzi, explica que os setores do comércio e serviços em 2020 foram os mais afetados pelas restrições ocorridas por meio dos decretos, portanto houve baixas. "Em 2021 foi a retomada, graças aos investimentos do governo, ao governador Reinaldo Azambuja e ao secretário de Infraestrutura do Estado Eduardo Riedel, que tomaram medidas estratégicas para que o Estado não parasse de crescer ", conclui Derzi.

Derzi ainda destaca que no ano passado o desempenho do setor de serviços teve saldo de 14.299 postos de trabalho, seguido pelo comércio com 11.112 postos de trabalho; construção com 3.713 postos de trabalho; agropecuária com 3.632 postos de trabalho e Indústria com 3.531 postos de trabalho,  resultado de várias ações que o governo executou nos 79 municípios.

A Funtrab possui agências públicas, as "Casas do Trabalhador" em 33 municípios do MS, também apresentou números positivos na sua atuação no mercado de trabalho. No ano de 2021 foram colocados 17.963 trabalhadores no mercado de trabalho formal, frente a 14.221 no ano de 2020.

Os dados da PNAD que apresenta dados total do mercado de trabalho que engloba o emprego formal e todos os demais tipos de ocupação, o MS apresenta os seguintes números: no 3º trimestre de 2021 a taxa de desocupação foi de 7,6% que apresenta uma redução de 2,2% em relação ao 2º trimestre de 2021 cuja taxa foi de 9,8%. Em comparação com o mesmo período de 2020, cuja taxa foi de 11,5%, a redução é de 3,9%.

 

Publicado por: mmelo@funtrab.ms

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.